Presidente do Comitê Científico

Flavia Ribeiro Machado

Nome em citações bibliográficas: Machado, F;Machado, Flavia R.;Machado, FR;Machado, Flavia Ribeiro;Machado, Flavia R;Machado, Flávia Ribeiro;Machado, Flávia R.;Machado, F.R.;RIBEIRO MACHADO, FLAVIA;MACHADO, Flavia Ribeiro;MACHADO, F.;MACHADO, FLAVIA;MACHADO, F. R.;MACHADO, Flávia Ribeiro;Machado F;
Flávia Ribeiro Machado

Endereço Profissional:
Universidade Federal de São Paulo UNIFESP


(11) 5576-4650

(11) 5576-4092




Especialista em Medicina Intensiva e Doutora em Doenças Infecciosas e Parasitárias

Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (1991). Fez residência de clínica médica na Santa Casa de Belo Horizonte, residência em infectologia na Universidade de São Paulo. Mestrado em Infectologia e Medicina Tropical pela Universidade Federal de Minas Gerais (1996), doutorado em Doenças Infecciosas e Parasitárias pela Universidade de São Paulo (2000) e Livre Docência pela Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva da Universidade Federal de São Paulo.

Tem título de especialista em Medicina Intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira desde 1997. Foi Editora chefe da Revista Brasileira de Medicina Intensiva, revista oficial da Associação de Medicina Intensiva Brasileira e da Sociedade Portuguesa de Cuidados Críticos entre 2010 e 2015, sendo atualmente editora associada.

Atualmente é professora adjunta livre docente e chefe do Setor de Terapia Intensiva da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva da Universidade Federal de São Paulo. Sua área de atuação é a medicina intensiva, com ênfase em sepse, sendo atualmente coordenadora geral do Instituto Latino Americano de Sepse (ILAS).

É também membro do Comitê Executivo e coordenadora do Comitê Científico da Brazilian Research in Intensive Care Network – BRICNET e membro da Latin America Research Network (LIVEN). Membro da Diretoria Executiva da Global Sepsis Alliance e do Conselho do International Sepsis Forum. Membro do board da Surviving Sepsis Campaing nas versões 2012, 2016 e 2020. Foi Diretora Científica da Associação de Medicina Intensiva Brasileira no biênio 2018-2019.


Flávia Ribeiro Machado

Endereço Profissional:
Universidade Federal de São Paulo UNIFESP


(11) 5576-4650

(11) 5576-4092




Especialista em Medicina Intensiva e Doutora em Doenças Infecciosas e Parasitárias

Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (1991). Fez residência de clínica médica na Santa Casa de Belo Horizonte, residência em infectologia na Universidade de São Paulo. Mestrado em Infectologia e Medicina Tropical pela Universidade Federal de Minas Gerais (1996), doutorado em Doenças Infecciosas e Parasitárias pela Universidade de São Paulo (2000) e Livre Docência pela Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva da Universidade Federal de São Paulo.

Tem título de especialista em Medicina Intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira desde 1997. Foi Editora chefe da Revista Brasileira de Medicina Intensiva, revista oficial da Associação de Medicina Intensiva Brasileira e da Sociedade Portuguesa de Cuidados Críticos entre 2010 e 2015, sendo atualmente editora associada.

Atualmente é professora adjunta livre docente e chefe do Setor de Terapia Intensiva da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva da Universidade Federal de São Paulo. Sua área de atuação é a medicina intensiva, com ênfase em sepse, sendo atualmente coordenadora geral do Instituto Latino Americano de Sepse (ILAS).

É também membro do Comitê Executivo e coordenadora do Comitê Científico da Brazilian Research in Intensive Care Network – BRICNET e membro da Latin America Research Network (LIVEN). Membro da Diretoria Executiva da Global Sepsis Alliance e do Conselho do International Sepsis Forum. Membro do board da Surviving Sepsis Campaing nas versões 2012, 2016 e 2020. Foi Diretora Científica da Associação de Medicina Intensiva Brasileira no biênio 2018-2019.


Flavia Ribeiro Machado

Currículo Profissional


  • Formação acadêmica
  • Livre-docência
  • Formação Complementar
  • Atuação Profissional
  • Prêmios e títulos
  • Projetos de pesquisa
  • 1997 – 2000

Doutorado em Doenças Infecciosas e Parasitárias (Conceito CAPES 5).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Avaliação das alterações imunohistológicas da mucosa de intestino delgado em indivíduos portadores do vírus da imunodeficiência humana, em diferentes fases da infecção, Ano de obtenção: 2000.
Orientador: Maria Irma Seixas Duarte.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências da Saúde


  • 1994 – 1996

Mestrado em Infectologia e Medicina Tropical (Conceito CAPES 6).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Avaliação da absorção de gordura, através do teste respiratório com 14C-trioleína, em diferentes fases da infecção pelo vírus da imunodeficiência humana,Ano de Obtenção: 1996.
Orientador: Dirceu Bartolomeu Greco.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências da Saúde


  • 1995 – 1997

Especialização – Residência médica.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil. Residência médica em: Moléstias Infecciosas
Grande área: Ciências da Saúde


  • 1992 – 1994

Especialização – Residência médica.
Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, FCM/MG, Brasil. Residência médica em: Clínica Médica


  • 1985 – 1991

Graduação em Medicina.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.

  • 2015
    Livre-docência.
    Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
    Título: SEPSE NO BRASIL: ASPECTOS EPIDEMIOLOGICOS E DESAFIOS, Ano de obtenção: 2015.

  • 1998 – 1998

Fundamental of Critical Care Support FCCS. (Carga horária: 20h).
Society of Critical Care Medicine, SCCM, Brasil.


  • 1997 – 1997

Advanced Cardiac Life Support Acls Provider. (Carga horária: 24h).
American Heart Association Funcor, AHAF, Brasil.


  • 1990 – 1990

Estágio Depto de Cirurgia Hospital Dijkzigt.
Erasmus Universiteit Rotterdam, ERASMUS, Holanda.


  • 1990 – 1990

Estágio Serviço Cir. Hepatobiliar/Transplantação.
Hopital Paul Brousse, HPB, França.

  • Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.

2006 – Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Adjunta, Carga horária: 20

1996 – Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 40
Outras informações
Médica do Setor de Terapia Intensiva do Hospital São Paulo da Universidade Federal de São Paulo. [Parte do período como funcionária celetista da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina]

2003 – 2005
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora Adjunta Substituta, Carga horária: 20

Atividades

02/2012 – Atual
Ensino, Medicina Translacional (33009015069P4), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Orientadora do Programa de Pós-Graduação em Medicina Translacional [mestrado e doutorado]
2007 – Atual
Direção e administração, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Coordenadora da Residência Médica em Medicina Intensiva.
03/2005 – Atual
Direção e administração, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Chefe da Setor de Terapia Intensiva da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva do Hospital São Paulo da Universidade Federal de São Paulo.
01/2003 – Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Aulas teóricas no Módulo Cardiovascular-Respiratório [quarto ano]
01/2003 – Atual
Serviços técnicos especializados , Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Serviço realizado
Preceptora dos alunos do sexto ano médico [módulo Terapia Intensiva].
09/2014 – 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Equipamentos.
08/2014 – 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Prontuários.
01/2012 – 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Centro Cirúrgico.
01/2010 – 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado de Coordenadores Técnicos.
01/2009 – 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Farmacoterapia.
09/2012 – 12/2017
Ensino, Mestrado Profissional, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Orientadora do Programa de Pós-Graduação Senso strictu Associado à Residência Médica – MEPAREM
2/2004 – 12/2014
Ensino, Residência Médica em Medicina Intensiva, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Coordenadora da Especialização em Medicina Intensiva
Coordenadora da Residência Médica em Medicina Intensiva
Coordenadora do Curso de Especialização Fisioterapia em Terapia Intensiva
modalidade aprendizado em serviço
2010 – 2014
Direção e administração, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Membro do colegiado de chefias.
2010 – 2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital Universitário – São Paulo, .

Cargo ou função
Coordenadora do Grupo de Sepse do Hospital Universitário.
12/2005 – 02/2012
Ensino, Medicina (Cirurgia Cardiovascular), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Orientadora do Programa de Pós-Graduação em Cirurgia Vascular, Cardica, Torácica e Anestesiologia [mestrado e doutorado]
01/1999 – 01/2011
Direção e administração, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Coordenadora do Curso de Especialização em Medicina Intensiva.
2008 – 2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pós-Graduação em Cirurgia Cardíaca Vascular.
01/2004 – 12/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Coordenadora da Liga Acadêmica de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva [área de Terapia Intensiva].
01/2005 – 01/2009
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Responsável pelo Curso Teórico de Terapia Intensiva da Liga Acadêmica de Anestesiologia, Dor e Medicina Intensiva – atividade quinzenal
11/1998 – 03/2005
Direção e administração, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva, Disciplina de Anestesiologia Dor e Medicina Intensiva.

Cargo ou função
Chefe Clínica da Unidade de Terapia Intensiva da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva.


  • Instituto Latino Americano de Sepse, ILAS, Brasil.

2004 – Atual
Vínculo: Membro Associado, Enquadramento Funcional: Membro Associado

2012 – 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Vice presidente

2008 – 2011
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Presidente

Atividades

2006 – 2014
Outras atividades técnico-científicas , Forum Internacional de Sepse, Forum Internacional de Sepse.

Atividade realizada
Membro da Comissão Científica e Organizadora.


  • Brazilian Reseach in Intensive Care Network, BRICNET, Brasil.

2014 – Atual
Vínculo: Membro do Comité Executivo, Enquadramento Funcional: Membro
Outras informações
Membro do Comitê Científico e Representante do Comitê Científico no Comitê Executvo

Atividades

02/2014 – Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê Científico, .

Cargo ou função
Membro.
02/2014 – Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê Executivo, .

Cargo ou função
Membro.


  • Associação de Medicina Intensiva Brasileira, AMIB, Brasil.

2020 – Atual
Vínculo: Coordenador nacional de cursos, Enquadramento Funcional: voluntário

2009 – Atual
Vínculo: Membro da Comissão Cientifica, Enquadramento Funcional: Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva
Outras informações
Não pertenceu a comissão nos anos de 2014-2015

1997 – Atual
Vínculo: Membro Associado, Enquadramento Funcional: Membro Associado

2018 – 2019
Vínculo: Diretora Cientifica, Enquadramento Funcional: voluntário

Atividades

2010 – Atual
Serviços técnicos especializados , Revista Brasileira de Terapia Intensiva, .

Serviço realizado
Editora Chefe da RBTI; Editora Cientifica 2008-2009.
2010 – Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Sociedade Paulista de Terapia Intensiva, .

Cargo ou função
Associado Representante da Sociedade Paulista de Terapia Intensiva nos biênios 2010-2011, 2012-2013 e 2014-2015.
2008 – Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê de Sepse e Infecção, .

Cargo ou função
Membro do Comitê de Sepse e Infecção.
2009 – 2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva, .

Cargo ou função
Membro do Comitê Científico.
2008 – 2009
Direção e administração, Fundo AMIB – Fundo Brasileiro de Educação e Pesquisa em Medicina Intensiva, .

Cargo ou função
Diretora da Divisão de Publicações.
2008 – 2009
Serviços técnicos especializados , Revista Brasileira de Terapia Intensiva, .

Serviço realizado
Editora Científica.


  • Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, HCFMUSP, Brasil.

1997 – 2004
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 20
Outras informações
Parte do período como funcionário celetista da Fundação Faculdade de Medicina, exercendo as mesmas funções

Atividades

04/2001 – 07/2004
Direção e administração, Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias, Unidade de Terapia Intensiva.

Cargo ou função
Chefe da Equipe da Unidade de Terapia Intensiva e Tétano.
02/1997 – 06/2004
Ensino, Residência Médica Em Doenças Infecciosas e Parasit, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Aulas teóricas do estágio na Unidade de Terapia Intensiva
I Curso de Atualização em Doenças Infecciosas, aula: "Leptospirose"
Orientação do estágio na Unidade de Terapia Intensiva
Reunião Cientifica, aula: "Alterações imunohistológicas da mucosa do intestino delgado em individuos portadores do virus da imunodeficiência humana, em diferentes fases da infecção", no ano de 2000.
Reunião Cientifica, aula "Antitrombina III e Sepse grave",
Reunião Cientifica, aula: "Leptospirose em Terapia Intensiva", no ano de 1998.
Reunião Cientifica, aula: Utilização da proteína C ativada na sepse grave: bases fisiopatológicas e estudos clínicos", no ano de 2002.
01/1997 – 06/2004
Serviços técnicos especializados , Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias, Unidade de Terapia Intensiva.

Serviço realizado
Médica.
2003 – 2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias, .

Cargo ou função
Membro da Comissão Assessora para Estabelecimento de Normas e Subsídios para participação em Protocolo de Pesquisa e Financiamento de Agências Privadas.
09/1997 – 09/2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias, .

Cargo ou função
Membro da Comissão Cultura e Extensão.
08/1999 – 08/2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pós-Graduação "lato sensu".
05/2000 – 06/2000
Ensino, Doenças Infecciosas e Parasitarias, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplina MIP-420-Clínica de Moléstias Transmissíveis do Conjunto de Disciplinas Moléstias Transmissíveis
Discussão clínica; Hepatites virais
10/1998 – 12/1998
Ensino, Doenças Infecciosas e Parasitarias, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplina MIP-420-Clínica de Moléstias Transmissíveis do Conjunto de Disciplinas Moléstias Transmissíveis
Aulas ministradas: Doenças exantemáticas; Leishmaniose visceral; AIDS; Febre tifóide; Hepatites; Meningites purulentas; Doença meningocócica; Discussões clínicas I, II, III, IV, V


  • Hospital Professor Edmundo Vasconcelos, HPEV, Brasil.

2004 – 2014
Vínculo: Médica, Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 12

Atividades

03/2004 – 04/2014
Serviços técnicos especializados , Unidade de Terapia Intensiva, .

Serviço realizado
Médica plantonista.


  • Instituto de Infectologia Emilio Ribas, IIER*, Brasil.

1997 – 2001
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 20

Atividades

5/1997 – 2/2001
Serviços técnicos especializados , Hospital Dia, .

Serviço realizado
Médica do Serviço Médico de Ambulatório e Emergência da Divisão Médica.
8/1997 – 6/1998
Serviços técnicos especializados , Unidade de Terapia Intensiva, .

Serviço realizado
Médica da Unidade de Terapia Intensiva.


  • Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.

1988 – 1989
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de Iniciação Científica pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica – PIBIC, agenciado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq, intitulado "Schistosoma mansoni: locais onde a imunidade protetora, induzida por vermes esterilizados por irradiação atua com mais eficácia no camundongo", desenvolvido no Grupo Interdepartamental de Estudos sobre Esquistossomose (GIDE) do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Minas Gerais, sob a orientação do Prof. Paulo Marcos Zech Coelho.

1987 – 1988
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de Iniciação Científica pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica – PIBIC, agenciado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq, intitulado "Quantificação da evolução intramolusco de Schistosoma mansoni, linhagens HE e ST, em caramujos do gênero Biomphalaria", desenvolvido no Grupo Interdepartamental de Estudos sobre Esquistossomose (GIDE) do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Minas Gerais, sob a orientação do prof. Paulo Marcos Zech Coelho.

Atividades

08/1990 – 09/1990
Estágios , Hospital das Clínicas da UFMG, Serviço de Gastroenterologia e Cirurgia do Aparelho Digestivo.

Estágio realizado
Estágio no Serviço de Gastroenterologia e Cirurgia do Aparelho Digestivo.
07/1987 – 10/1987
Estágios , Instituto de Ciências Biológicas, .

Estágio realizado
Estagiária voluntária do Grupo Interdepartamental de Estudos sobre Esquistossomose (GIDE).
04/1986 – 08/1987
Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciências Biológicas, Instituto de Ciências Biológicas.

Atividade realizada
Monitora da Disciplina "Histologia Especial Médica;.


  • Grupo Santa Casa de Belo Horizonte, GSCBH, Brasil.

1987 – 1989
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador

Atividades

01/1989 – 12/1989
Estágios , Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte, Equipe de Cirurgia Geral.

Estágio realizado
Estagiária voluntária da Equipe de Cirurgia Geral do Prof. Dr. Célio Diniz Nogueira.
12/1987 – 07/1989
Estágios , Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte, I Enfermaria de Mulheres.

Estágio realizado
Estagiária voluntária sob a coordenação do Prof. Dr. Nereu de Almeida Junior.
01/1989 – 06/1989
Estágios , Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte, Hospital São Lucas/Centro de Terapia Intensiva.

Estágio realizado
Estagiária voluntária.


  • Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais, FHEMIG, Brasil.

1992 – 1995
Vínculo: , Enquadramento Funcional: -, Carga horária: 20

Atividades

09/1992 – 01/1995
Serviços técnicos especializados , Hospital Eduardo de Menezes, .

Serviço realizado
Atividade assistencial, Hospital de Infectologia Eduardo de Menezes.
10/1988 – 02/1990
Estágios , Hospital de Pronto Socorro João XXIII, Setor de Urgências Clínicas e Cirúrgicas.

Estágio realizado
Estagiária voluntária.
04/1988 – 09/1988
Outras atividades técnico-científicas , Hospital de Pronto Socorro João XXIII, Hospital de Pronto Socorro João XXIII.

Atividade realizada
Bolsista concursada da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais.


  • CHPT/Associação Hospital São Pio X, CHPT, Brasil.

1991 – 1991
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador

1991 – 1991
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 40

Atividades

01/1991 – 03/1991
Estágios , Medicina Geral, .

Estágio realizado
Estágio em Medicina Geral com atividades nas áreas de pediatria, obstetrícia, cirurgia, anestesia e clínica médica.


  • Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, P/BELO HORIZONTE, Brasil.

1993 – 1995
Vínculo: , Enquadramento Funcional: -, Carga horária: 20

Atividades

1/1993 – 1/1995
Serviços técnicos especializados , Centro de Treinamento e Referência em Doenças Infecciosas e Parasitárias, .

Serviço realizado
Médica – CRT-AIDS [atividade assistencial].


  • European Sociey of Intensive Care Medicine, ESICM, Suiça.

2011 – Atual
Vínculo: Membro Associado, Enquadramento Funcional: Membro Associado


  • Global Sepsis Alliance, GSA, Alemanha.

2013 – Atual
Vínculo: Membro Associado, Enquadramento Funcional: Membro Associado

Atividades

01/2013 – Atual
Direção e administração, Conselho Diretor, .

Cargo ou função
Tesoureira.


  • Society of Critical Care Medicine, SCCM, Estados Unidos.

2006 – Atual
Vínculo: Membro Associado, Enquadramento Funcional: Membro Associado


  • Conselho Nacional de Pesquisa, CNPQ, Brasil.

2017 – Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista


  • Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

2011 – Atual
Vínculo: Colaboradora, Enquadramento Funcional: Parecerista

  • 2020 – Asmund Laerdal Memorial Lecture Award, Society of Critical Care Medicine – Estados Unidos.

  • 2018 – Membro honorária, European Socitey of Intensive Care Medicine.

  • 2014 – Prêmio Roberto Mario Clausi de melhor trabalho categoria Sepse [Machado et al. Prevalência e mortalidade por sepse grave e choque séptico em UTIs brasileiras], Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XIX Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 2013 – Melhor trabalho categoria Hemodinâmica [Marti et al. Avaliação da saturação venosa de oxigênio femoral como substituto da saturação venosa central de oxigênio em pacientes graves], Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XVIII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 2013 – Prêmio Terzius melhor trabalho categoria Hemodinâmica [Marti YN, Leão MB, Azevedo RP, Bafi AT, Machado FR. Avaliação da saturação venosa de oxigênio femoral como substituto da saturação venosa central, Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XVIII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 2012 – Melhor trabalho categoria Sepse [Machado FR et al. A intensidade da disfunção orgânica é melhor determinante de mortalidade precoce do que tardia em pacientes com sepse grave e choque séptico], Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XVII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 2012 – Melhor trabalho categoria Gestão, Qualidade e Segurança [Machado FR et al. É possível reduzir a mortalidade por sepse grave em hospitais públicos com a implementação em rede de protocolo assistencial], Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XVII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 2012 – Melhor trabalho categoria Nutrição/Metabolismo [Azevedo RP et al. Impacto da terapia laxativa com lactulose no prognóstico de pacientes graves], Associação de Medicina Intensiva Brasileira – XVII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva.

  • 1997 – Especialista em Medicina Intensiva, Associação Médica Brasileira e Associação de Medicina Intensiva Brasileira.
  • 2019 – Atual

PAPEL DA TOMOGRAFIA POR IMPEDÂNCIA ELÉTRICA (TIE) NO DESMAME VENTILATÓRIO DE PACIENTES TRAQUEOSTOMIZADOS NA UTI DE UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO.
Descrição: avaliação de fatores preditores de desmame.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Walkyria de Araújo Macedo Pinto – Integrante.


  • 2019 – Atual

Impacto do uso de aspirina na intensidade da disfunção orgânica de pacientes com sepse e choque séptico: um estudo randomizado, duplo-cego, placebo-controlado – Aspirin for Patients with Sepsis (AsP Sepsis)
Descrição: Estudo randomizado, pragmático, multicêntrico, com cegamento de pacientes e equipe de saúde..

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / ALMEIDA, THIAGO MIRANDA LOPES DE – Integrante / ZAMPIERI, FERNANDO G. – Integrante.


  • 2019 – Atual

Identificando a Mortalidade Atribuível à Sepse em PAcientes Hospitalizados no Brasil: IMPACTO-MAPA
Descrição: Avaliação da mortalidade atribuída a sepse em diferentes hospitais, multicêntrico, caso controle.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Thiago Costa Lisboa – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / fernado Godinho Zampieri – Integrante.


  • 2018 – Atual

COMPARAÇÃO DOS EFEITOS HEMODINÂMICOS DA INFUSÃO DE CRISTALÓIDES DE FORMA RÁPIDA VERSUS LENTA EM PACIENTES CRÍTICOS.
Descrição: Trata-se de subestudo do estudo BASICS, RCT comparado soro fisiológico com solução balanceada e diferentes velocidades de infusão.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Daniere Yurie Vieira Tomotani – Integrante.


  • 2018 – Atual

SEPSE: MECANISMOS, ALVOS TERAPÊUTICOS E EPIDEMIOLOGIA

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Reinaldo Salomão em 27/02/2020.
Descrição: Projeto temático FAPESP visando avaliar múltiplos aspectos da sepse.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Integrante / Ivan Hong Jun Koh – Integrante / Reinaldo Salomão – Coordenador / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante.


  • 2018 – Atual

Perfil epidemiológico da sepse em unidades de terapia intensiva pediátricas de hospitais brasileiros
Descrição: Estudo de prevalência de um dia em amostra aleatória de UTIs pediatricas.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / DE SOUZA, DANIELA – Integrante.


  • 2017 – Atual

AVALIAÇÃO DAS VARIÁVEIS DE PERFUSÃO E DE MICROCIRCULAÇÃO NA CAPACIDADE DE PREDIZER MORTALIDADE EM PACIENTES DE TERAPIA INTENSIVA
Descrição: Trata-se da analise de microcirculação em pacientes criticos.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / BAFI, ANTONIO T – Integrante.


  • 2017 – Atual

IDENTIFICAÇÃO DOS PRINCIPAIS COMPONENTES DO BALANÇO HÍDRICO EM PACIENTES COM SEPSE DEPENDENTE DE VASOPRESSOR
Descrição: Projeto avalia os componentes do BH e fatores de risco associados.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Maria Aparecida de Souza Silva – Integrante.


  • 2017 – Atual

Balanced solution versus Saline in Intensive Care Study. Estudo randomizado, fatorial 2×2, para avaliar o efeito de uma solução cristaloide balanceada em comparação ao cloreto de sódio a 0,9%, e infusão rápida versus lenta, nos desfechos clínicos de paci

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Alexandre Biasi Cavalcanti em 22/02/2020.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Integrante / Thiago Correia Domingos – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / fernado Godinho Zampieri – Integrante.


  • 2016 – Atual

Implantação de protocolo clínico para manutenção do potencial doador em unidades de terapia intensiva: ensaio clínico randomizado por cluster. (DONORS – ICU Trial: Donation (National) Network to Optimize Organ Recovery Study)
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Integrante / Glauco Adrieno Westphal – Coordenador.


  • 2014 – 2018

Avaliação da perfusão tecidual após um protocolo de exercícios passivos em pacientes sépticos
Descrição: Nesse estudo, pacientes sépticos serão submetidos a fisioterapia motora. Antes e após a intervenção serão mensuradas variáveis hemodinâmicas e de perfusão, incluindo avaliação da microcirculação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Antonio Tonete Bafi – Integrante / Tuanny Teixeira Pinheiro – Integrante.


  • 2014 – 2018

Impacto da implementação de protocolo gerenciado de sepse em unidades de pronto atendimento da rede AMIL no Rio de Janeiro
Descrição: O objetivo desse estudo é avaliar se a utilização de intervenção multifacetada para melhoria de qualidade assistencial pode aumentar a aderência a indicadores de qualidade no atendimento a pacientes admitidos em serviços de pronto atendimento não hospitalares. Avaliaremos também se a intervenção é custo efetiva..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Juliana Lubarino Amorim de Souza – Integrante / André Miguel Japiassú – Integrante / José Eduardo Castro – Integrante / Paulo Cesar Souza – Integrante.


  • 2014 – 2018

Impacto da implementação de intervenção multifacetada na mortalidade por sepse em prontos socorros: um estudo randomizado em cluster

Descrição: Na fase 1, será feito estudo qualitativo em 15 serviços de urgência e emergência brasileiros para identificar barreiras e facilitadores para prática clínica adequada no atendimento à pacientes com sepse grave ou choque séptico em unidades de urgência. Já na fase III as unidades serão randomizadas para a intervenção ou não. Aguarda obtenção da verba para o início..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Felipe Dal-Pizzol – Integrante / Marcio Soares – Integrante / Jorge Ibrain Figueira Salluh – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Reinaldo Salomão – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante.


  • 2014 – 2014

FLUIDOS – Uma avaliação transversal da prática de ressuscitação com fluidos
Descrição: Estudo multicêntrico, observacional, de um só dia, procurando determinar as tendências na prescrição de fluidos intravenosos na ressuscitação e determinar fatores que influenciam essa escolha. O estudo está sendo feito em parceria com a Australian and New Zealand Intensive Care Society. Centros coordenadores: Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Fundação Instituto Oswaldo Cruz – FIOCRUZ e Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR – Rio de Janeiro). Planeja-se incluir entre 150 e 200 centros, com data prevista para 26 de novembro de 2014..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Fernando Augusto Bozza – Integrante / Danilo Teixeira Noritomi – Integrante / Thiago Costa Lisboa – Integrante / Glauco Adrieno Westphal – Integrante / Ludhmila Abrahão Hajjar – Integrante / Felipe Dal-Pizzol – Integrante / Marcio Soares – Integrante / Jorge Ibrain Figueira Salluh – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Leandro Utino Taniguchi – Integrante / Bruno Franco Mazza – Integrante / Murillo Santucci Cesar de Assunção – Integrante / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Antonio Tonete Bafi – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / André Miguel Japiassú – Integrante.


  • 2013 – 2018

“SPREAD – Sepsis Prevalence Assessment Database
Descrição: Constituíram-se 10 diferentes extratos no Brasil, definidos de acordo com região geoeconômica e tamanho de cidade, com o objetivo de avaliar a prevalência, a adequação do tratamento e a mortalidade da sepse grave e choque séptico nas unidades de terapia intensiva em todas as regiões do país. Foram amostradas 20% das UTIs de cada extrato, de forma aleatória, com coleta de dados dos pacientes internados em um único dia. Status – No dia do estudo (26/02/2014) foram incluídas 277 UTIs. Os dados estão em análise..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Derek C Angus – Integrante / Juliana Lubarino Amorim de Souza – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Reinaldo Salomão – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / Fernanda Carrara – Integrante.


  • 2013 – 2016

Uso de checklist durante visitas diárias multidisciplinares e alerta clínico para redução de mortalidade em unidades de terapia intensiva em pacientes admitidos com sepse
Descrição: Trata-se de subestudo do estudo Checklist-ICU (clinicaltrial.gov NCT01785966), prospectivo, randomizado em cluster, desenvolvido pela BRICNET em parceria com o Hospital do Coração, Hospital Samaritano e Instituto D’Or de Pesquisa. Serão analisados o subgrupo dos pacientes admitidos por sepse. Nele as UTis, após a coleta inicial de dados, serão randomizadas para a implementação de estratégia incluindo visita multidisciplinar, aplicação de checklist e alertas clínicos. Foram incluídas 118 UTIS e mais de 13 mil pacientes na fase I e 2. Os dados estão em fase de análise..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Fernando Augusto Bozza – Integrante / Jorge Ibrain Figueira Salluh – Integrante / Alexandre Biasi Cavalcanti – Integrante / Hélio Penna Guimarães – Integrante / Fernanda Carrara – Integrante / Valquiria Pelisser Campagnucci – Integrante.


  • 2013 – 2015

Infecção por Citomegalovirus em pacientes transplantados renais em uma unidade de terapia intensiva
Descrição: Nesse estudo, analisaremos a positividade para antigenemia para citomegalovírus em paciente com insuficiência respiratória, procurando relacionar os achados com os desfechos clínicos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante / Sanmya Danielle Rodrigues dos Santos – Integrante.


  • 2012 – 2019

Efeito da elevação da pressão arterial com noradrenalina sobre a microcirculação de pacientes com choque séptico e hipertensão arterial prévia
Descrição: O objetivo primário do estudo é comparar o comportamento dos parâmetros de microcirculação em pacientes com choque séptico previamente hipertensos com aqueles sem histórico de hipertensão arterial, quando os níveis pressóricos são elevados de 65-70 mmHg para 90 – 100 mmHg..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Karla Tuanny Fiorese Coimbra – Integrante / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Antonio Tonete Bafi – Integrante / Luciano Cesar Pontes de Azevedo – Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – Auxílio financeiro.


  • 2012 – 2018

Avaliação de índices prognósticos para pacientes transplantados renais admitidos em unidade de terapia intensiva
Descrição: A validação de escores prognóstico em paciente imunossuprimidos ainda não foi feita de forma adequada. Nesse estudo, aplicaremos os escores SAPS 3 e APACHE II numa população de pacientes transplantados renais para verificar qual deles tem melhor acurácia na predição de mortalidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Antonio Tonete Bafi – Integrante / Fabio Lombardi – Integrante.


  • 2012 – 2016

Comparação da variação do diâmetro da veia cava inferior e variação da pressão de pulso na avaliação de responsividade a fluidos em pacientes no pós-operatório imediato
Descrição: Nesse estudo, compararemos, por meio de curvas ROC, a acurácia da mensuração da distensibilidade de veia cava inferior com a variação da pressão de pulso..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Renata Teixeira Ladeira – Integrante / Olivia Haun de Oliveira – Integrante.


  • 2012 – 2015

Avaliação da saturação venosa femoral de oxigênio como substituto da saturação venosa central
Descrição: Nesse estudo, a intenção é validar a mensuração de oxigenação venosa usando cateteres em veia femoral, haja vista a impossibilidade clinica frequente em se colocar cateteres em acesso central..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Yara Nishiyama Marti – Integrante.


  • 2012 – 2014

Papel da biópsia pulmonar cirúrgica no transplantado renal com doença respiratória
Descrição: Avaliação retrospectiva de biópsias pulmonares visando avaliar a importância das mesmas no tocante ao diagnóstico infeccioso de pacientes transplantados renais com insuficiência respiratória. Serão também avaliadas as complicações associadas ao procedimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Flávia Ribeiro Machado – Coordenador / Flávio Geraldo Rezende de Freitas – Integrante / Antonio Tonete Bafi – Integrante / Daniere Yurie Vieira Tomotani – Integrante.


Publicações no blog da BRICnet:



LogoBRICnet

Brazilian Research in Intensive Care Network – BRICNet, uma rede brasileira, independente e colaborativa para a realização de estudos clínicos na área de medicina intensiva.

Publicações recentes